04/08/2020

Última etapa de revitalização viária é iniciada na rua Baruel

Última etapa de revitalização viária é iniciada na rua Baruel

Atualmente, são realizados trabalhos de reconstrução de guias e sarjetas, entre a rua São Luiz e a avenida Paulo Portela

A rua Baruel, na região central de Suzano, começou a receber nesta semana os serviços da última etapa da revitalização asfáltica programada para a via. Atualmente, são realizados trabalhos de reconstrução de guias e sarjetas, entre a rua São Luiz e a avenida Paulo Portela. De acordo com a Unidade de Planejamento e Assuntos Estratégicos (Upae), o trecho tem aproximadamente 600 metros e receberá intervenções até o final do mês.

As fases anteriores da obra foram realizadas entre janeiro e abril, desde o entroncamento com a avenida Antônio Marques Figueira. Houve melhorias em guias e sarjetas, aplicação de novo asfalto e renovação da sinalização de solo e placas, auxiliando o tráfego de veículos e pedestres na região.

Segundo a Secretaria de Manutenção e Serviços Urbanos, para a última etapa, também estão previstas intervenções da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) para a troca de tubulações de água pelas próximas duas semanas.

Após isso, serão promovidas a fresagem do pavimento e a aplicação de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), o “asfalto quente”. Já a Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana informou que está acompanhando os trabalhos e que poderá haver intervenções no trânsito, caso sejam necessárias.

No total, a via recebeu cerca de R$ 1 milhão em investimentos neste ano. O trecho entre a avenida Antônio Marques Figueira e a rua José Guilherme Pagnani teve investimento de R$ 408,5 mil, financiado por meio de empréstimo junto ao Banco do Brasil e aprovado pela Câmara em 2019. Já nesta última etapa são R$ 601,9 mil, contando com recursos da Caixa Econômica Federal e uma contrapartida do município de R$ 140,9 mil. A empresa Oestevalle Pavimentação e Construções Ltda. é a responsável pelos serviços.

A recuperação do último trecho da via faz parte da estratégia de revitalização do quadrilátero central, cujo aporte financeiro vem sendo buscado pela administração municipal desde 2017. O assessor especial da Upae, André Chiang, explicou que a revitalização tem como um de seus pilares a melhoria na mobilidade urbana, que valoriza o comércio local e reforça a atividade econômica e a geração de empregos, tendo reflexos positivos a médio e longo prazos.