13/11/2021

Saúde orienta público a evitar faltas em exames e consultas

Saúde orienta público a evitar faltas em exames e consultas

Desistência deve ser comunicada previamente para assegurar o atendimento a outros pacientes na rede municipal

 

A Secretaria de Saúde de Suzano, por meio da diretoria de Atenção à Saúde, está empenhada em garantir mais celeridade às demandas de exames e consultas na rede pública municipal. Para isso, a aposta são mutirões em horários alternativos aos finais de semana para os pacientes previamente agendados e outras ações estratégicas. Contudo, a pasta ainda enfrenta índices de absenteísmo diante de pacientes que não comparecem à data marcada e dificultam o trabalho de evolução da agenda.

 

Pensando nisso, o setor orienta o público a comunicar a unidade de atendimento sobre a desistência no procedimento marcado. De acordo com a diretora Flávia Verdugo, avisar com antecedência facilita o remanejamento da agenda, dando oportunidade a outros pacientes que esperam ser chamados.

 

“Nos últimos mutirões temos observado um índice de absenteísmo de cerca de 30% dos pacientes. Estamos empenhados em garantir essa oferta de atendimento, sobretudo nos exames, mas precisamos da colaboração do público. Em caso de desistência, comunique a unidade com a maior antecedência possível para que outra pessoa seja chamada no lugar. Isso facilita o trabalho, inclusive o reagendamento do procedimento”, explicou.

 

Atualmente, Suzano apresenta a demanda reprimida de 1,7 mil atendimentos em exames que têm como referência ou assistência a Secretaria Municipal de Saúde. Vale lembrar que outros 7.827 procedimentos estão na central de regulação sob responsabilidade Secretaria de Estado da Saúde. “As demandas em espera foram impactadas pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), sendo que atualmente a pasta se empenha em ações estratégicas que visam garantir mais celeridade ao atendimento. Neste ano, este tipo de atividade já chegou a efetuar 985 atendimentos de papanicolau e 263 de eletrocardiograma em um único dia”, destacou.

 

Em outubro, durante as ações em alusão à campanha “Outubro Rosa”, a pasta registrou 762 atendimentos, entre exames, testes rápidos, oficinas e outras atividades exclusivamente voltadas à saúde da mulher, com foco na orientação e na prevenção de doenças como câncer de mama e de colo de útero. O procedimento com maior demanda foi o papanicolau, com 204 pacientes submetidas ao exame indispensável para o rastreamento do câncer de colo de útero.

 

“Foi uma ação muito positiva, mas que poderia alcançar muito mais pessoas se não tivéssemos essas faltas. Por isso, avisar a desistência é importante para todos. Neste mês de novembro, a força-tarefa será para a demanda de ultrassom de próstata. A expectativa é de que haja cem atendimentos previamente agendados, com pacientes chamados ao longo do mês. Para aqueles que não puderem comparecer, comunique com antecedência”, reforçou. 

 

Vale lembrar que a lista com a relação de endereços e telefones das unidades de saúde está disponível no site oficial www.suzano.sp.gov.br. Além disso, o agendamento junto às Unidades de Saúde da Família (USFs), gerenciadas pelo Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS), pode ser feito por meio do aplicativo “Saúde Suzano”.