15/12/2021

Saspe e Sebrae estudam parcerias voltadas ao empreendedorismo feminino

Saspe e Sebrae estudam parcerias voltadas ao empreendedorismo feminino

Primeira reunião entre a Prefeitura de Suzano e a entidade debateu novas possibilidades de fomento à temática na cidade

O Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), estão unidos mais uma vez em prol das mulheres suzanenses. Desta vez, o foco para 2022 é a construção de novas parcerias voltadas a políticas de fomento ao empreendedorismo feminino. A primeira reunião ocorreu nesta terça-feira (14/12) e contou com representantes de diferentes setores estratégicos que poderão auxiliar nesta articulação.

No encontro, sediado no auditório do órgão municipal, abordou a mobilização e o estímulo ao empoderamento feminino no mundo dos negócios. A apresentação foi liderada pela analista do Sebrae Roseli Lima Bezerra e acompanhada pela diretora de projetos do Saspe, Sandra Lopes Nogueira.

Também estiveram presentes a coordenadora de Apoio à Direção e Gestão de Projetos do Instituto Federal São Paulo (IFSP- Campus Suzano), Mariana Bertolotti; as presidentes da Comissão da Mulher Advogada e da Comissão da Advocacia Trabalhista da OAB Suzano, Maria Margarida Mesquita e Gabriella Gimenez Mello; a coordenadora de projetos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, Heloíse Campos; a conselheira tutelar Francisca Aparecida Xavier; e as voluntárias Vera Lúcia da Silva Ventura, Márcia Romero e Shirley Aparecida de Oliveira Rodrigues.

O grupo pôde traçar os primeiros passos em relação ao tema para um grande trabalho de suporte ao empreendedorismo em 2022. De acordo com a diretora de projetos do Saspe, a iniciativa visa encorajar cada vez mais mulheres na independência financeira. “O Saspe oferece uma gama de atividades direcionadas ao público feminino, desde o nosso curso de Promotoras Legais Populares, voltado ao ensino de direitos básicos, até capacitações profissionais em inúmeras atividades gratuitas promovidas ao longo do ano. Para 2022, queremos somar forças com o Sebrae e demais entidades parceiras para fomentar o empreendedorismo feminino, traçando propostas que tenham a cara das mulheres suzanenses, incluindo cursos específicos para isso”, explicou Sandra.

A reunião forneceu dados importantes sobre o atual cenário macroeconômico e a participação feminina. “As mulheres estão à frente da maioria dos novos empreendimentos no País. Acredito que quando elas empreendem a economia melhora porque, com uma maior inserção feminina no mercado de trabalho, podemos caminhar rumo à igualdade social”, detalhou Roseli.

Para a dirigente do Saspe, a primeira-dama Larissa Ashiuchi, essa soma de esforços vêm para mais uma vez destacar a importância da união entre as mulheres na sociedade. “Sabemos da força, dos sonhos e da capacidade que cada uma carrega no peito. Em 2022, a Prefeitura de Suzano vai viabilizar em parceria com o Sebrae o que for preciso para tirar do papel os projetos dessas mulheres. Seja uma padaria artesanal, um salão de beleza ou uma loja de acessórios, vamos enfrentar esse desafio, mostrar que é possível superar medos e fazer tudo planejado para a geração de renda e a independência financeira. Agradeço ao Sebrae e a todas as lideranças engajadas neste propósito. Juntas faremos muito mais”, finalizou.