07/10/2021

Polo de Suzano da Univesp forma mais 15 alunos

Polo de Suzano da Univesp forma mais 15 alunos

Estudantes suzanenses foram parabenizados pela primeira-dama em razão da conquista na instituição gratuita de ensino superior

Após três anos de estudos virtuais, a turma de 15 alunos do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública, da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), se formou nesta quarta-feira (07/10). A dirigente do Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), a primeira-dama Larissa Ashiuchi, convidou os estudantes na sede do órgão, na última quarta-feira (06/10), para parabenizá-los pela importante conquista.

Na ocasião, todos receberam um certificado de honra ao mérito das mãos de Larissa e do prefeito Rodrigo Ashiuchi. O documento prestigia a trajetória de excelência na conclusão do curso. Sendo parte da primeira turma do curso, criada em 2018, eles estudaram em formato de Ensino à Distância (EAD) ao longo de toda a graduação, realizando presencialmente apenas as provas no polo suzanense. Com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), este procedimento também se tornou remoto e a colação de grau precisou ser suspensa.

A Cerimônia de Colação de Grau dos formandos do segundo semestre de 2020 aconteceu nesta quinta-feira (07/10) de forma virtual e foi transmitida ao vivo pela Univesp TV. O evento foi organizado pela instituição em parceria com o Centro Paula Souza (CPS), que contribuiu com a articulação e realização deste e de outros cursos da rede.

A primeira-dama afirmou que, após tantos semestres de empenho e dedicação, o momento tão esperado da formatura finalmente chegou. Ela parabenizou a todos pela graduação que, além de enriquecedora, abre novas possibilidades de atuação profissional. Larissa também agradeceu a Univesp, que está presente em Suzano desde 2017 e, desde então, já contribuiu muito para a democratização do ensino superior na cidade, pela oferta de uma série de cursos de forma totalmente gratuita para a população.

Durante a graduação, os profissionais foram capacitados para planejar, implementar, supervisionar e avaliar políticas públicas voltadas para o desenvolvimento regional. Ao longo das aulas, eles tiveram contato com um amplo panorama político, social e econômico que exercem potencial influência na realidade local e impactam diretamente na construção de novas iniciativas públicas.

Reginaldo de Amorim, de 50 anos, é parte dos 15 formados da turma e ressaltou que estes três anos contribuíram muito para sua formação. “Foi a primeira vez que eu fiz uma faculdade à distância e, para mim, foi inovador. A plataforma virtual é eficaz e, além disso, o grupo foi bem unido nessa jornada, o que fortaleceu nossa rede de estudos. Os desafios propostos pelos professores também foram enriquecedores e contribuíram muito para nossa rede de estudos, o ensino é excelente”, explicou.

O prefeito, por sua vez, relembrou que a cidade conquistou um polo da Univesp em 2017, oferecendo ensino superior de graça à população suzanense. Ele disse que ao longo dos últimos anos, a cidade criou um verdadeiro polo educacional na sede do Saspe. Lá, os alunos podem participar de aulas de empreendedorismo, de línguas, do pré-vestibular e também da universidade de graça.