08/09/2021

Patrulha Maria da Penha prende indivíduo por descumprir medida protetiva

Patrulha Maria da Penha prende indivíduo por descumprir medida protetiva

Homem tentou invadir a casa da vítima com uma enxada e teve sua prisão preventiva decretada

A Patrulha Maria da Penha de Suzano prendeu um homem por descumprimento de medida protetiva. A família da vítima, que estava escondida com ela em sua própria casa, acionou o auxílio do grupamento enquanto o criminoso tentava abrir o portão do local à força com uma enxada, ameaçando a mulher. O caso aconteceu na semana passada, na Cidade Boa Vista.

De acordo com a comandante da GCM, Rosemary Caxito, uma dupla de agentes estava em ronda pela região norte quando recebeu ligação da sobrinha de uma das vítimas assistidas pelo grupamento. Na ocasião, a mulher explicou que o antigo companheiro de sua tia descumpriu as restrições judiciais e estava ameaçando elas de morte. A equipe, que já estava próxima do local, foi imediatamente até lá e encontrou o homem exaltado, tentando entrar à força na residência com uma enxada. Seu esforço inclusive danificou o portão.

Os guardas foram recebidos com hostilidade pelo indivíduo, que seguiu gritando ofensas aos presentes. Ao ser abordado, ele ainda tentou reagir à prisão, mas logo foi imobilizado e teve sua enxada apreendida. Ao ser colocado na viatura, ele seguiu com comportamento violento, chutando o veículo e ameaçando a equipe. A vítima e seus familiares, que até então estavam escondidos dentro da casa, enfim puderam sair em segurança.

O criminoso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia (DP) central, onde a autoridade responsável determinou sua prisão preventiva. A decisão se deu em razão do descumprimento da medida protetiva de urgência e do risco à segurança da vítima caso ele permanecesse em liberdade, tendo em vista seu comportamento alterado e as ameaças físicas e verbais.

Segundo a comandante, a patrulha tem trabalhado de forma incansável no enfrentamento à violência contra a mulher, com intensificação de rondas e pronto atendimento às denúncias. Ela explica que assim como foi o caso da vítima que acionou a patrulha, é realizado o monitoramento diário de diversas outras mulheres com medida protetiva, provendo uma linha direta com a GCM, podendo pedir socorro em qualquer situação onde se sintam ameaçadas ou desconfortáveis.

O secretário municipal de Segurança Cidadã, Elias Marques de Lima, reforçou a importância das denúncias para o combate à violência doméstica em Suzano. Ele explica que é essencial que as pessoas notifiquem as autoridades sob qualquer suspeita de situação deste tipo, independentemente se são vizinhos, amigos, parentes ou se sofrem com este crime, pois de acordo com ele, apenas assim é possível garantir o bem-estar dos envolvidos e impedir que casos deste tipo continuem a acontecer.

A GCM de Suzano recebe denúncias pelo telefone (11) 4746-3297. Além deste contato, também é possível pedir auxílio pelo número exclusivo da Patrulha Maria da Penha, em (11) 4745-2150, ou pelo Disque Denúncia, no 180.