15/09/2022

Espetáculo de balões de ar é atração no Parque Max Feffer

Espetáculo de balões de ar é atração no Parque Max Feffer

Apresentação será feita pelo grupo Pia Fraus Teatro e é parte do Circuito SP de Arte

O Parque Municipal Max Feffer (avenida Senador Roberto Simonsen, 90 – Jardim Imperador) será o palco dos “Gigantes de Ar”, apresentação de balões que ocorrerá em Suzano neste sábado (17/09), a partir das 15 horas. Realizado pelo grupo Pia Fraus Teatro, o espetáculo é trazido à cidade por meio do Circuito SP de Arte, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura,

A atração, que estará localizada próximo à entrada principal do parque, é inspirada nas grandes apresentações circenses do século XX, com representações de animais, palhaços e bailarinos por meio de balões de ar de tamanho gigante, fazendo jus ao nome do espetáculo. O grupo que estará no local já participou de vários festivais nacionais e também internacionais, como em Cádiz, na Espanha, Miami, nos Estados Unidos, e Bogotá, na Colômbia.

Haverá representações de girafas bailarinas, de um elefante azul de quatro metros, um leão medroso, um tigre sorridente e muitos outros, todos acompanhados por quatro palhaços multifacetados com uma série de habilidades. Por meio deles, o público acompanhará cenários e situações de comédia, drama, risco e coragem, todos sempre presentes no universo do circo popular brasileiro.

O caráter da atração também busca ressaltar uma imagem diferenciada do circo moderno. Tradicionalmente, o picadeiro é visto como um local habitado por animais silvestres, utilizados pelos circos itinerantes como uma forma de entretenimento exótico a crianças e adultos no passado. Neste espetáculo, com o uso de balões tão vivos quanto os bichos de verdade, fica a cargo dos palhaços e apresentadores criarem os enredos utilizando os bonecos como seu diferencial.

Segundo o vice-prefeito e secretário municipal de Cultura, Walmir Pinto, o show será uma experiência que invocará o passado com uma cara atual e moderna. “O circo é uma parte indissociável da história da cultura humana. Lá atrás, era o principal meio de ver o diferente, vibrar com um grande espetáculo. Com este grupo, queremos apresentar esse modo de se expressar junto dos jovens e dos mais velhos no parque”, relatou.