19/11/2022

Domingo da Consciência Negra reúne atrações musicais no Parque Max Feffer

Domingo da Consciência Negra reúne atrações musicais no Parque Max Feffer

Domingo da Consciência Negra reúne atrações musicais no Parque Max Feffer

Pavilhão Zumbi dos Palmares recebe apresentações de street dance, capoeira, rap, reggae, hip hop, entre outras atrações de forma gratuita

O Parque Municipal Max Feffer (avenida Senador Roberto Simonsen, 90 – Jardim Imperador) recebe uma série de apresentações em homenagem ao Dia da Consciência Negra, celebrado neste domingo (20/11), a partir das 10 horas. A programação é desenvolvida pela Secretaria Municipal de Cultura por meio do projeto “Agita Palmares”, com apoio do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir), e conta com seis exibições artísticas de dança e música gratuitas para todos os públicos.

O dia no parque começa com a Feira Afro, espaço onde os artesãos suzanenses exibem suas produções manuais direcionadas para a cultura africana. A partir das 11 horas, a pasta promove uma apresentação de Roda de Capoeira Baraúna, encabeçada por um dos grupos apoiados pelo “Agita Palmares”. Ao meio-dia será a vez do pavilhão receber uma aula aberta de street dance para os presentes, com o ensinamento de passos distintos e a promoção de um contato com uma das principais fontes originárias do público afro-americano.

No período da tarde, a música toma conta do Max Feffer com uma série de apresentações em sequência, todas encabeçadas por artistas pretos contando histórias ou desenvolvendo ritmos intimamente ligados à cultura afro. Às 13 horas será a vez da dupla Gêmeos MC’s trazer o hip hop para quem for assistir aos eventos e na sequência o reggae de Wylmar Santos e a banda OmiAye entram em ação. Às 15 horas, o show fica a cargo do rap com Preto W.O., que convida o rapper Dum Dum, integrante da Facção Central e, encerrando o dia, às 16 horas, a banda Big Jam, representante do tradicional Groove/Funky é encarregada pelo último espetáculo da tarde.

Segundo o secretário municipal de Cultura, o vice-prefeito Walmir Pinto, a programação completa do mês foi pensada para homenagear um dos pilares do povo brasileiro, sendo o dia 20 a data com mais homenagens no pavilhão do parque municipal. “Um dos principais exemplos do que a população preta sofreu na história do nosso País foi Zumbi dos Palmares, símbolo da luta desse povo guerreiro. Com o artesanato, a capoeira, o rap, o hip hop e tantas outras expressões artísticas, estamos promovendo esses eventos para conscientizar e alegrar, então convidamos a todos a participar”, comentou.