06/11/2019

Suzano terá Caminhada de Prevenção do Câncer Bucal neste sábado

Suzano terá Caminhada de Prevenção do Câncer Bucal neste sábado

Até o momento, mais de 760 pessoas já se cadastraram para participar; objetivo é ressaltar a importância da detecção precoce da doença

A Secretaria de Saúde de Suzano vai promover neste sábado (09/11), a partir das 9 horas, a 3ª Caminhada de Prevenção do Câncer Bucal. O evento, promovido anualmente na cidade, tem como objetivo ressaltar a importância da detecção precoce da doença e o trabalho realizado na rede municipal.

Até o momento, mais de 760 pessoas já se cadastraram na sede da pasta, localizada no Centro Unificado de Serviços, o Centrus (avenida Paulo Portela, 210, sala 311 – Centro), para participar. As inscrições são gratuitas e seguem abertas para todo o público.

A caminhada ocorre durante a Semana Nacional de Prevenção do Câncer Bucal, que é de 5 e 9 de novembro. Os participantes sairão da área de concentração, em frente ao Paço Municipal Prefeito Firmino José da Costa, e descerão pela rua Baruel até a Praça dos Expedicionários, seguindo pelas ruas General Francisco Glicério, Portugal Freixo, Benjamin Constant, Tiradentes e novamente Baruel.

Na oportunidade, haverá um posto com profissionais da Coordenadoria de Saúde Bucal que irão realizar exames no público. Caso sejam identificados indícios da doença, como feridas e bolhas sem cicatrização, a pessoa será devidamente encaminhada para o especialista no Sistema Único de Saúde (SUS).

O trabalho de monitoramento e de prevenção dos casos de câncer bucal em Suzano tornou-se referência. Tanto que a atuação do município foi considerada a melhor do Estado de São Paulo e uma das quatro melhores do País no Prêmio Nacional Conselho Federal de Odontologia (CFO) de Saúde Bucal 2019, categoria até 500 mil habitantes.

Nos meses de abril e maio deste ano, quando houve campanhas de conscientização, foram realizados 16.345 exames, número 28% maior que o do ano anterior. Em Suzano, já foram registrados 20 casos de câncer bucal em 2019 por meio de ações na rede municipal, com três óbitos.

Para o secretário municipal de Saúde, Luis Cláudio Rocha Guillaumon, o exame preventivo pode ser o fator diferencial para a cura de um paciente, principalmente de pessoas com mais de 40 anos de idade e que consomem álcool e tabaco. Ele explicou que o exame é rápido, indolor e pode auxiliar a evitar problemas sérios no futuro. Para o chefe da pasta, esta caminhada mostra que a comunidade está unida e engajada no propósito da prevenção, que é uma das marcas da atual gestão no município.

O Instituto Nacional do Câncer (INCA), vinculado ao Ministério da Saúde, aponta que o risco da doença aumenta entre fumantes e alcoólatras, além de outros fatores, como exposição ao sol, excesso de gordura corporal e infecção pelo vírus HPV. Portanto, é recomendado deixar de fumar, evitar o consumo crônico de bebidas alcoólicas, manter uma alimentação saudável e boa higiene bucal, usar preservativo na prática do sexo oral e aplicar protetor solar nos lábios.