29/03/2019

Suzano realiza 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa

Suzano realiza 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa

Salão social do Suzano Futebol Clube recebeu 300 pessoas da sociedade civil e do Poder Público para debater desafios e ações

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social de Suzano e o Conselho Municipal do Idoso (Comid) promoveram na tarde desta quinta-feira (28/03) a 5ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa. O evento, realizado no salão social do Suzano Futebol Clube recebeu mais de 300 pessoas da sociedade civil e do Poder Público para tratar sobre desafios e ações voltadas à Melhor Idade.

Entre os presentes estavam o secretário Murilo Inocencio, a presidente do Comid, Adriana Monteiro, e representantes das entidades que participaram das cinco pré-conferências locais nas regiões do Boa Vista, Palmeiras, Casa Branca, Centro e Jardim Gardênia Azul.

A encontro teve como tema “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas” e tratou de quatro eixos: “Direitos fundamentais na construção e efetivação das políticas públicas”, “Educação: assegurando direitos e emancipação humana”, “Enfrentamento da violação dos Direitos Humanos da pessoa idosa” e “Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas”, debatidos em grupos separados.

No total, foram definidas 44 propostas de políticas públicas voltadas ao município e 38 nos âmbitos superiores, que serão levadas para a Conferência Estadual do Idoso, a ser realizada em agosto deste ano, em São Paulo. Também foi definido um dos representantes do município para a próxima etapa, que poderá aumentar sua representação caso outras cidades do Alto Tietê não consigam cumprir o prazo-limite para a realização de suas conferências municipais.

Segundo o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social de Suzano, a participação da comunidade em torno das pautas voltadas à preservação de direitos da Melhor Idade é fundamental. Inocencio destacou que o encontro não trata da mera concessão como se fosse um favor, mas a posse definitiva de direitos garantidos pela Constituição Federal. O secretário disse que tem obrigação de viabilizar à população o debate e a proposição de ações e políticas públicas, bem como de garantir tais mecanismos.

A presidente do Comid, durante a abertura do evento, reforçou o trabalho conjunto de diversos setores da comunidade. Adriana afirmou que a jornada começou nos bairros, dentro das vivências das pessoas, de maneira participativa e próxima das reais demandas da sociedade e da necessidade de se pensar como envelhecer com dignidade e qualidade.