15/05/2019

SP-66 tem 1º poço da obra da Sabesp fechado e tráfego é liberado no local

SP-66 tem 1º poço da obra da Sabesp fechado e tráfego é liberado no local

Medida é cumprimento de promessa da empresa feita à Prefeitura de Suzano; previsão é de que os outros três sejam tapados até o fim deste ano

O primeiro dos quatro poços da obra da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabes) na avenida Major Pinheiro Fróes (SP-66), na Vila Maria de Maggi, foi fechado e o trecho liberado para o tráfego de veículos. A medida foi o cumprimento de uma promessa da empresa estadual feita à Prefeitura de Suzano em razão dos transtornos que os serviços vêm causando a motoristas e motociclistas com o afunilamento das pistas. A previsão é de que os outros três sejam tapados até o final deste ano.

O trecho tem 40 metros de extensão, em frente à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) da Sabesp. No local onde houve o fechamento, há um ponto de embarque e desembarque de passageiros do transporte público, que também pôde voltar a ser utilizado. Os poços foram abertos como parte do processo de adequação da tubulação de coleta de esgoto que passa sob a via, iniciado há cerca de dez anos e que foi retomado em 2018, após ter ficado um longo tempo parado.

As Secretarias Municipais de Manutenção e Serviços Urbanos e de Transporte e Mobilidade Urbana acompanharam nesta quarta-feira (15/05) a liberação na pista sentido bairro-centro. O trabalho de fechamento contou com a correção do pavimento e com a aplicação de uma camada de concreto e de asfalto quente. Segundo a Sabesp, as obras na SP-66 continuarão até dezembro de 2019.

O secretário municipal de Transporte e Mobilidade Urbana, Claudinei Valdemar Galo, destacou a importância da via como ligação de Suzano a Poá, Itaquaquecetuba e São Paulo, e vice-versa, e que a administração municipal está atenta ao andamento das obras e dos impactos no tráfego.