istanbul escort Prefeitura de Suzano-SP encontra duas ossadas e mais de 300 adornos de túmulos “estocados” em cemitério | Suzano beylikdüzü escort
16/02/2017

Prefeitura de Suzano-SP encontra duas ossadas e mais de 300 adornos de túmulos “estocados” em cemitério

Prefeitura de Suzano-SP encontra duas ossadas e mais  de 300 adornos de túmulos “estocados” em cemitério

Em continuidade à apuração de supostas irregularidades envolvendo um servidor municipal, Controladoria Geral e Secretaria de Segurança Cidadã estiveram no Cemitério São Sebastião na manhã desta quinta-feira (16 de fevereiro), onde se depararam com novas supostas irregularidades; Instituto de Criminalística (IC) foi acionado, bem como um Boletim de Ocorrência (B.O.) foi registrado na Delegacia de Polícia (DP) Central

 

Em continuidade aos trabalhos de apuração quanto a possíveis irregularidades cometidas no Cemitério Municipal São Sebastião (rua Cássia Francisco, 651 – Sítio São José), representantes da Controladoria Geral da Prefeitura de Suzano-SP, durante diligência com a Secretaria Municipal de Segurança Cidadã, encontraram uma significativa quantidade de placas de cobre e de bronze, além de duas ossadas humanas “estocadas” de forma inadequada, na manhã desta quinta-feira (16 de fevereiro). Frente às novas supostas irregularidades, o governo do prefeito Rodrigo Ashiuchi acionou o Instituto de Criminalística (IC) e um Boletim de Ocorrência (B.O.) foi registrado na Delegacia de Polícia (DP) Central.

Os adornos estavam dispostos num recipiente, localizado num depósito de manutenção do cemitério, “ocultado” atrás de dois armários. Foram apreendidas aproximadamente 300 peças de cobre e/ou bronze, inerentes a túmulos e mausoléus, como placas de identificação (como as que indicam a que família pertence à sepultura); além de quase 50 molduras de fotos, vasos e imagens com valor agregado.

Também foram descobertas duas ossadas humanas, uma de um adulto e outra de uma criança, em local não apropriado. Em relação aos esqueletos, que estavam em avançado estado de decomposição, ainda não é possível determinar a origem. Para tanto, o IC de Mogi das Cruzes-SP foi acionado. O órgão vai elaborar, posteriormente, um laudo quanto à ocorrência. O documento será anexado ao procedimento criminal a ser instaurado. Um BO de violação de sepultura foi registrado no DP Central, no período da tarde.

Segundo o advogado Murilo Inocêncio, chefe da Controladoria Geral de Suzano, é preciso averiguar desde quando os adornos eram estocados e qual era o objetivo da prática e, sobretudo, identificar, se possível, a quem pertence as ossadas e porque estavam armazenadas de forma inadequada num depósito de ferramentas, com difícil acesso, dentro do cemitério.

O secretário de Segurança Cidadã, Fátimo Aparecido Rodrigues, explica que, após a apreensão dos objetos, uma das primeiras providências tomadas pela municipalidade foi a verificação de BOs registrados como furto. Entretanto, nada foi constatado a este respeito até o momento.

O gestor esclarece, ainda, que todo o material apreendido nesta quinta-feira encontra-se sob tutela da administração municipal, inclusive os esqueletos.

Entenda o caso

À frente da gestão do Cemitério São Sebastião está uma nova equipe, tendo em vista que a anterior foi substituída no fim de janeiro deste ano em razão de constatação de suposta fraude no recolhimento de taxas. A suspeita é que o antigo administrador, funcionário concursado há 18 anos na Prefeitura de Suzano, recebia do contribuinte os pagamentos, para serviços diversos, como velório, sepultamento e exumação, e não os repassava ao Tesouro.

A estimativa é que aproximadamente R$ 160 mil foram desviados, desde março de 2016. Desse montante, R$ 62 mil foram devolvidos pelo servidor durante ação da Controladoria Geral, da Secretaria de Segurança Cidadã, da Secretaria de Administração e da Secretaria de Planejamento e Finanças. Na oportunidade, o funcionário público assumiu a autoria das fraudes e disse que agia sozinho.

O homem de 43 anos está afastado das atividades profissionais e um processo administrativo disciplinar foi instaurado pelo Poder Executivo para a apuração das responsabilidades. Um B.O. também foi registrado como peculato – crime praticado por servidor público que se apropria de dinheiro ou qualquer bem a que tenha acesso em razão do cargo que ocupa – na Polícia Civil, que segue com o inquérito policial.

 

çeviri malatya oto kiralama parça eşya taşıma şehirler arası nakliyat şehirlerarası evden eve nakliyat istanbul bursa şehirler arası nakliyat malatya oto kiralama istanbul nakliyat ofis taşıma ofis taşımacılığı evden eve nakliyat evden eve nakliyat büyü aşk büyüsü ayırma büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları büyü aşk büyüsü bağlama büyüsü dua aşk duası aşk büyüsü büyü aşk büyüsü bağlama büyüsü medyum dolunay medyum aşk büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları medyum zeynel eroğlu medyum aşk büyüsü metal galvanizli sac paslanmaz sac metal hrp sac paslanmaz çelik mekjoy seo seo kursu sex shop istanbul sex shop ataşehir sex shop İstanbul evden eve nakliyat eşya depolama eşya depolama viagra fiyatı cialis fiyat b374k shell