06/12/2018

Prefeitura de Suzano forma mais de 4 mil alunos em cursos profissionalizantes

Prefeitura de Suzano forma mais de 4 mil alunos em cursos profissionalizantes

Anúncio foi feito pela primeira-dama Larissa Ashiuchi, responsável pelo Fundo Social e pelo Saspe, durante formatura de mais de 500 alunos realizada na tarde desta quinta-feira

A Prefeitura de Suzano formou mais de 4 mil alunos em cursos e oficinas ministrados ao longo de 2018. O número foi divulgado pela presidente do Fundo Social de Solidariedade e dirigente do Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), a primeira-dama Larissa Ashiuchi, na tarde desta quinta-feira (06/12), durante entrega de certificado para mais de 500 alunos, que foram capacitados durante o segundo semestre deste ano.

A solenidade também contou com a participação da técnica regional do Fundo Social do Estado de São Paulo (Fussesp), Regiane Fernandes, que estava representando a presidente do órgão Lúcia França, e do coordenador de Cursos do Saspe, Carlos Bragheroli.

O evento, que teve início às 14 horas, lotou o Teatro Municipal Dr. Armando de Ré e foi marcado pela emoção dos alunos, que se especializaram em 19 cursos, oferecidos pelo Fundo Social, Saspe e pelo Centro de Convivência da Melhor Idade (CCMI) Maria Picoletti. As especialidades se dividem em Escola da Moda, da Beleza, de Construção Civil, Garçom, Informática Básica e Linux, Crochê, Jardinagem na Prática, Padaria Artesanal, Alfabetização para Melhor Idade, entre outros.

Os destaques foram para o curso Administração do Tempo, oferecido de forma inédita em Ensino à Distância (EAD), e para as oficinas “Aprendendo a Usar o Celular” e “Redes Sociais”, direcionadas ao público da melhor idade.

Em seu discurso, a técnica regional do Fussesp falou que a professora Lúcia França agradeceu a primeira-dama de Suzano por executar tão bem as capacitações em parceria com o Estado, formando cidadãos e concedendo novos caminhos para o mercado de trabalho. Por fim, Larissa destacou que com a entrega dos 500 certificados, o Saspe, o Fundo Social e o CCMI, juntos, formaram 4 mil alunos.