Fix
13/09/2018

Novo procedimento do Procon de Suzano serve como modelo para Mogi das Cruzes

Novo procedimento do Procon de Suzano serve como modelo para Mogi das Cruzes

Representantes da cidade vizinha conheceram como funciona o sistema de digitalização de documentos para abertura de reclamações

O Procon de Suzano recebeu nesta quinta-feira (13/09) a visita de uma equipe de fiscais de Mogi das Cruzes para conhecer o sistema de digitalização de documentos para abertura de reclamações de consumidores, que foi implantado em julho deste ano e já tem resultado em economia com a redução do uso de papel. Atualmente, a unidade local realiza média de 240 atendimentos mensais.

Na oportunidade, a diretora do órgão municipal suzanense, Daniela Itice, apresentou como funciona o procedimento para as fiscais Úrsula Caetano e Jéssica Reis. O município vizinho tem quatro unidades do Procon, instaladas no Paço Municipal (Centro Cívico), na região central e nos distritos de Brás Cubas e Jundiapeba. No total, são cerca de 1,6 mil atendimentos por mês em Mogi.

Depois da implantação do procedimento eletrônico, em 23 de julho deste ano, o órgão já apresenta economia. Em menos de dois meses o uso de papel caiu 20% e deixou-se de utilizar 2,8 mil pastas. Além da questão da sustentabilidade, para Daniela Itice, essa troca de experiências é importante também para fortalecer a união entre os órgãos.

O novo processo também representa uma desburocratização, que reflete na melhoria do atendimento. Os consumidores não precisam mais levar cópias dos documentos para a abertura das reclamações, pois os técnicos da unidade fazem a digitalização de todos eles. A medida integra o pacote de mudanças que vêm sendo realizadas, que incluem revitalização e reforma das instalações físicas.

De acordo com Daniela Itice, a mudança beneficia consumidores e fornecedores, pois dá transparência e celeridade às atividades do Procon.