04/10/2019

Campanha de vacinação contra o sarampo começa em outubro

Campanha de vacinação contra o sarampo começa em outubro

Crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos são o foco nesta etapa; doses estarão disponíveis em todos os postos de saúde em dias úteis

Suzano dará início nesta segunda-feira (07/10) à campanha de vacinação contra o sarampo na cidade. A ação se estenderá até 25 de outubro (sexta-feira), tendo as crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos como público-alvo. As doses estarão disponíveis em todas as unidades de saúde do município. A partir de 18 de novembro (segunda-feira), a imunização será direcionada aos jovens com idades entre 20 e 29 anos.

A campanha voltada às crianças ocorrerá em dias úteis nos 23 postos de saúde, das 8h30 às 15h30. Inclusive, onde há expediente estendido, a vacinação irá até as 20h30 em dias específicos: Jardim Europa às segundas e quartas-feiras e Jardim Maitê às terças-feiras. Para este público, a mobilização especial conhecida como “Dia D” está agendada para 19 de outubro (sábado), com atendimento até as 17 horas. A expectativa é de que postos volantes também sejam criados na cidade, conforme logística em estudo. Nesta primeira etapa, a intenção é alcançar a meta de 95% da cobertura vacinal do público-alvo. Para isso, o município já recebeu 15 mil doses da Secretaria de Estado da Saúde.

De maneira semelhante, a segunda etapa da vacinação começará em 18 de novembro e seguirá até o fim do mês, voltada às pessoas de 20 a 29 anos. Os postos deverão funcionar da mesma forma neste período, com atendimento em dias úteis até as 15h30, além do horário estendido proposto pelos postos do Jardim Europa e Jardim Maitê. O “Dia D” desta fase está agendado para 30 de novembro (sábado), seguindo os parâmetros traçados pela primeira estratégia.

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde reforçou a importância da apresentação da caderneta de vacinação, já que se trata de uma campanha seletiva aos públicos-alvo. Vale destacar ainda que a imunização é a forma mais eficaz de prevenir a doença, sendo que 18 casos já foram identificados no município em 2019. A vacina tríplice viral disponível na campanha protege contra sarampo, caxumba e rubéola, (SCR) e está prevista no Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde.

A dose é aplicada aos 12 meses de idade, com reforço aos 15 meses. Crianças, adolescentes e jovens adultos, de 1 a 29 anos, devem receber duas vezes a vacina. Pessoas entre 30 e 59 anos precisam ter, pelo menos, uma comprovada. A vacina é contraindicada para gestantes e imunodeprimidos, como aqueles submetidos a tratamento de leucemia e pacientes com câncer.

Doença
A transmissão do sarampo ocorre de pessoa para pessoa, por meio de secreções respiratórias. Os principais sintomas são febre alta (acima de 38,5º) e manchas vermelhas pelo corpo (com início na face e atrás das orelhas), acompanhados de tosse, coriza ou conjuntivite. Em caso de suspeita, a Vigilância Epidemiológica deve ser notificada imediatamente para bloqueio e vacinação das pessoas em contato ainda não imunizadas. Os telefones para informações são 4745-2026, 4745-2038 e 4745-2048.