12/02/2020

Acusado de furto é preso pela GCM 12 dias após ter praticado mesmo crime

Acusado de furto é preso pela GCM 12 dias após ter praticado mesmo crime

Assim como na madrugada desta quarta-feira (12/02), indivíduo também foi detido em 31 de janeiro (sexta-feira) com fios elétricos de uma residência

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano prendeu na madrugada desta quarta-feira (12/02) acusado de furto a uma residência vazia na Vila Figueira. O que chamou a atenção dos agentes que atenderam a ocorrência é que o indivíduo, que tem 35 anos, havia sido detido 12 dias antes pela Polícia Militar suspeito de ter praticado crime semelhante no mesmo bairro.

O caso desta quarta-feira aconteceu por volta da 1h30 em um imóvel desabitado na rua Júlio Alberto Mathey. Após a GCM receber uma denúncia anônima por meio de sua central, dando conta de que pessoas estariam dentro do local, uma equipe da Ronda Ostensiva Municipal (Romu) foi enviada para verificar a autenticidade das informações.

Nas proximidades do endereço, os agentes localizaram um indivíduo caminhando, que demonstrou nervosismo ao ver a viatura, e o abordaram. Durante a revista foram encontrados fios elétricos, lâmpadas de LED e várias ferramentas dentro da mochila que ele carregava. Em seguida, os guardas se dirigiram até o imóvel e constataram que portas e janelas haviam sido arrombadas.

Diante disso, eles o conduziram até a Delegacia Central para que a autoridade da Polícia Civil de plantão tomasse as medidas necessárias. Lá, constataram que o homem estava respondendo em liberdade por um furto que teria praticado em uma residência também da Vila Figueira em 31 de janeiro (sexta-feira). Naquela ocasião ele havia sido detido pela Polícia Militar.